Consultor SEO

Consultor SEO

Um site criado por um Consultor SEO é apontado como a principal plataforma para as estratégias do marketing digital. Como agência de SEO nos dedicamos ao estudo de SEO (search engine optimization) há vários anos, justamente para nossos leads e clientes não desejarem fazer site grátis ou baratinho. Ter um site com SEO é tão importante que a gigante Google depende deles.

Somos profissionais de SEO e com pesquisa e planejamento vamos criar o site sempre buscando por novas tecnologias e seguindo as novas tendências em SEO de busca e SEO de performance. Isso é garantir e proporcionar acesso a uma comunicação digital eficiente.

Em todas as etapas da criação de sites somos organizados e contamos com uma equipe treinada e qualificada em SEO Marketing. Oferecemos a Consultoria de SEO e um Suporte técnico de SEO onde o cliente sente-se seguro, pois, sempre nos encontra e tem suas dúvidas esclarecidas rapidamente.

Somente o profissional de SEO, mais conhecido como Consultor SEO, é capaz de posicionar o seu site nos primeiros resultados gratuitos (orgânico) do Google, de onde a maioria das pessoas e consumidores buscam sobre um produto ou serviço, eventos, cursos etc.

Tipos de sites profissionais responsivos com Consultor SEO

1. Site institucional
2. Site de produtos
3. Loja virtual
4. E-commerce
5. Portais
6. Landing Pages

Como profissional Consultor SEO e de marketing de SEO, dominamos técnicas de programação e de conteúdo e design para que o seu site represente fielmente a sua marca, e seja a melhor opção para quem está buscando comprar ou contratar, seja pelo prazer de comprar ou por quem ainda está apenas pesquisando através dos resultados de SEO.

5 características de criação de sites sem Consultores SEO

Passamos pelo buscador Archie (1990), usamos os buscadores Wandex (1993), Excite (1993), Yahoo (1994), Cadê (1995), Metaminer (1996), Aonde (1997), Radix (1999) – quando as empresas contratavam a criação de site com apenas 4 paginas para terem um “cartão de visitas”.

No entanto, ainda há quem faça isso, usando plataforma de site grátis ou bem baratinho – que possuem os mesmos conceitos de sites antigos na sua estrutura final, sem as técnicas de busca do profissional de SEO nem os conceitos de marketing do profissional de marketing conceitual, achando que será encontrado por contatos qualificados (leads) para compra do seu produto ou serviço.

Vale a pena manter um site hoje sem exibir nos primeiros resultados do Google (desde 1996)? NÃO! A Criação de Sites vale a pena somente com a consultoria dos profissionais de SEO e Marketing.

Presença web sem SEO e Marketing

Quando você economiza na sua presença web, é o mesmo que:

1. Pensar que será encontrado por milhares de outros motoristas em uma estrada deserta;
2. Pensar que não precisa de um site profissional porque só usa as redes sociais;
3. Pensar que o pequeno público da Fan Page ou do Instagram é o suficiente;
4. Pensar que um site grátis ou baratinho dá o mesmo resultado que um site profissional com SEO;
5.  Pensar que manter um site com consultor SEO e marketing não vale o custo-benefício.

Exigências do Google sobre o SEO

Muitos dizem que as técnicas de SEO como fatores de classificação exigidas pelo Google se aproximam de 200 itens. Para o profissional de SEO dominar e saber implementar as 20 mais importantes leva-se muito tempo de estudos de SEO, experiências, testes, análise da concorrência e monitoramento. A dedicação e a atualização do conhecimento sobre SEO é constante!

Otimização de SEO

Sem o SEO de performance para carregar o site em cerca de 2,5 segundos, e o SEO de conteúdo para a busca orgânica (não patrocinada), até as campanhas pagas nos buscadores (links patrocinados) ficam mais caras por serem menos eficientes.

SEO de performance

O SEO de performance como fator de rankeamento envolve não apenas velocidade de carregamento do site, recomendada em até 2,5 segundos, mas a otimização das imagens, de scritps na programação, do banco de dados, do servidor etc.

SEO de busca

O SEO de busca leva o teu site aos primeiros resultados, e é bem difícil e demorado alcançar o topo. É necessário a criação de conteúdo relevante para gerar tráfego e com pelo menos as 10 técnicas abaixo, dentre umas duzentas, como fator de classificação:

1. HTTPS
2. Velocidade do site
3. Tags de título
4. Compatibilidade com dispositivos móveis
5. PageRank
6. Links internos e externos
7. Backlinks
8. Autoridade de domínio
9. RankBrain (intenção de busca)
10. Geolocalização

Você precisa ler essas 11 técnicas de SEO

Mais dicas de como fazer SEO do site de acordo com as melhores práticas. Uma coleção de 11 técnicas de Consultor SEO a serem considerados que ajudam a melhorar a posição do site na busca orgânica.

1. Core Web Vitals

Core Web Vitals (CWV) são um conjunto de métricas que representam a experiência de carregamento da página para os usuários do site. As métricas CWV também são um fator de classificação.

A importância do CWV vai além de ser um fator de classificação. Ele ajuda a otimizar a velocidade de um site, que é conhecida por influenciar fatores como conversões e monetizações.

2. Velocidade do Servidor

A velocidade do servidor do site influencia a rapidez com que as páginas são veiculadas e quantas delas podem ser veiculadas ao mesmo tempo.

É uma das poucas variáveis ​​relacionadas à conversão e vendas que podem ser facilmente controladas.

As hospedagens compartilhadas podem ter centenas ou até milhares de sites, todos competindo pelos mesmos recursos limitados.

Embora esse tipo de hospedagem seja bom para reduzir custos, esteja pronto para escalar para um host mais rápido assim que o site ganhar força e começar a ter sucesso.

Em alguns casos, o erro 500 de resposta do servidor são uma indicação de que o servidor está ficando sem recursos e que é hora de atualizar.

3. Frequência de Publicação

As pessoas querem muito conteúdo de qualidade e querem isso o tempo todo. Quanto mais conteúdo for publicado em uma programação diária, melhor.

É tentador publicar um grande grupo de conteúdo e depois dizer que o site está pronto.

Para muitos tipos de sites, especialmente um que publica artigos, um site nunca está pronto.

Não existe “configure e esqueça” em termos de conteúdo.

O que isso significa é que o caminho para o sucesso é criado com a criação constante de mais conteúdo, sempre mais e com a maior frequência possível.

Também não se trata de gerar conteúdo dez vezes melhor que a concorrência.

Trata-se simplesmente de gerar conteúdo de qualidade regularmente e fazer o melhor que puder para fornecer aos leitores o que você acredita que eles desejam.

O caminho para o sucesso é quase sempre publicar o máximo de conteúdo de qualidade possível.

4. Número de páginas indexadas

Se o Google não estiver indexando suas páginas, isso pode significar que há algo errado com seu conteúdo e/ou todo o site.

O Relatório de cobertura de índice do Search Console fornece os dados sobre páginas indexadas, incluindo páginas descobertas, mas não indexadas.

Se você achar que seu conteúdo não está sendo indexado regularmente, essa é uma oportunidade de melhoria.

Isso não é uma questão de azar, e não é necessariamente um problema técnico que é facilmente corrigido.

Problemas de conteúdo podem ser difíceis de identificar porque é difícil ver o próprio conteúdo objetivamente.

Exemplos de problemas de conteúdo:

O conteúdo é semelhante ao que já foi publicado;
O conteúdo é fino;
O conteúdo está mal escrito;
O conteúdo não é focado o suficiente no tópico;
No geral, a qualidade do site é ruim.

5. Impressões do Search Console

O Search Console mostra com que frequência seu site apareceu nos resultados de pesquisa para uma variedade de palavras-chave. No Google Search Console, isso é chamado de impressões .

É tentador abrir o Search Console para verificar quais palavras-chave têm melhor desempenho e aproveitar o calor e o sol de um trabalho bem feito.

Mas isso é perda de tempo.

As palavras-chave com classificação mais baixa são onde seu tempo é melhor gasto. Sempre concentre-se nas palavras-chave mais baixas, porque é aí que as áreas do site para melhorar podem ser encontradas.

Algumas dessas oportunidades são ganhos rápidos, o que significa que melhorar os rankings para essas palavras-chaves é relativamente fácil.

Para outras palavras-chaves mais competitivas, pode ser que não haja nada de errado com o conteúdo, exceto que ele precisa de mais links.

6. Rolagem excessiva

O conteúdo é o seu fator de classificação mais importante. A métrica de rolagem excessiva sinaliza que são necessárias melhorias no conteúdo. Qualquer coisa que melhore seu conteúdo é útil para um Consultor SEO.

7. Comportamento de leitura

Essa métrica mostra quantos leitores estão engajados e quantos abandonam a página da web no título.

Páginas com uma taxa de abandono anormalmente alta precisam ser melhoradas.

O ponto de dados do comportamento de leitura mostra quais páginas precisam ser aprimoradas. Esta é uma informação valiosa.

8. Dados de rolagem

Identificar onde em uma página os visitantes estão abandonando a leitura pode ajudar a depurar um problema técnico ou talvez um problema com o próprio conteúdo.

9. Metadados ausentes ou duplicados

Tem sido comum lançar um site com meta descrição ou tags de título não otimizadas.

Tags de título e meta descrições duplicadas ou ausentes são especialmente ruins e surpreendentemente comuns em sites.

10. Tamanho da imagem

Este é um ponto de dados relacionado à velocidade. A largura de banda de dados móveis quase não pode ser usada.

Mesmo que um site seja veiculado em um host rápido, imagens grandes sobrecarregam no navegador móvel de um visitante do site.

O tamanho da imagem é uma das coisas mais fáceis de controlar, mas uma das variáveis ​​que muitos sites ignoram ao otimizar.

Apenas lembre-se dessas dicas:

Imagens fotográficas – salve como JPEG.
Imagens ilustrativas – salve como PNG.
Evite sobrepor texto sobre imagens fotográficas.
Evite imagens com muitos detalhes, como árvores com milhares de folhas.
Evite imagens ilustrativas que tenham gradientes.
Uma maneira fácil de reduzir imagens é veicular imagens no novo formato WebP.

11. Backlinks

Embora os backlinks sejam um dos fatores de classificação mais importantes, nos algoritmos de pesquisa de hoje não é necessariamente o fator de classificação decisivo.

Os algoritmos de pesquisa usam cada vez mais links como parte de um algoritmo de classificação para produzir um conjunto de páginas candidatas a serem listadas nos resultados da pesquisa.

Mas, outra camada de relevância pode ser aplicada para reclassificar os resultados da pesquisa para itens como relevância, intenção do usuário, geolocalização e expectativas do usuário, para citar alguns motivos.

Portanto, embora os links sejam um fator de classificação muito importante, os links não são necessariamente o fator decisivo.

Isso não significa minimizar a importância dos links, mas simplesmente deixar claro onde eles estão em termos de importância.

Os dados de backlink estão disponíveis no Google Search Console.

Vem fazer um SEO de qualidade

Apenas um site criado por um Consultor SEO exibe nos primeiros resultados da busca e gera vendas on-line. Somente um site com Consultor SEO dá resultado! Não improvise!

Somos profissionais consultores SEO experientes e certificados – não existe site profissional muito baratinho ou de graça. O que existe e não é recomendado são plataformas que amadores tentam utilizar para criar sites com algumas páginas, mas sem os conceitos avançados de marketing e o planejamento estratégico de SEO, como o SEO On-page e Backlinks, nem o conteúdo relevante para o marketing de busca, marketing de conteúdo e de campanhas etc.

Conheça nossos Planos de Marketing Digital que incluem a Criação de Sites com Consultor SEO em todos os Planos. Cresça com planejamento e conforme sua demanda. Oferecemos a plataforma do site, gestão do conteúdo e gestão de campanhas. Tudo com Consultor SEO!

Consultor SEO